Open Preprint Systems (OPS)

O Open Preprint Systems (OPS) é um servidor de Preprints de código aberto, disponibilizado pela PKP e desenvolvido em parceria com a Scielo. O software OPS, procura assim fornecer uma solução, um sistema de Servidor de Preprints totalmente interoperável com o Open Journal System (OJS) e outros sistemas de publicação.

Processo

Após a submissão no repositório/servidor e a aprovação do Preprint Manager, os autores podem partilhar as suas pesquisas como Preprints, no formato PDF ou documentos do Word.

Os artigos publicados são então disponibilizados gratuitamente online para poderem ser descarregados e indexados pelo Google Scholar.

Funcionalidades OPS

O OPS foi desenvolvido usando a mesma estrutura do Open Journal Systems (OJS) e, portanto, partilha a maior parte do seu código base. O OPS pode ser obtido gratuitamente por qualquer parte interessada e instalado em um servidor da web local. As capacidades e recursos da versão beta, incluem o seguinte:

    • Front-end responsivo com várias opções para organização de conteúdo
    • Fluxo de trabalho de publicação rápida conduzido pelo autor
    • Envio e gestão o-line de todo o conteúdo
    • Personalizável para se adequar às suas políticas de triagem, com várias opções incluídas
    • Integrado com serviços de publicação académica, como Crossref e ORCiD
    • Instalado e controlado localmente
    • Liderado e apoiado pela comunidade
    • Suporte integrado para uma ampla variedade de recursos do ecossistema OJS e OMP
    • Disponível em inglês, espanhol e português, (brevemente mais idiomas)

Download Open Preprint Systems (OPS)

Demo Open Preprint Systems (OPS)

Demo Instação Servidor

Artigos relacionados:

PKP e SciELO vão desenvolver sistema de Servidor de Preprints

Acelerando a comunicação científica via preprints

Postar preprints antes da avaliação por pares está associado à maior visibilidade e citação dos artigos publicados

Preprints na comunicação científica: uma introdução

Preprints y servidores de preprints como herramientas para la comunicación académica